Inscrições abertas para o Programa Centelha SC

Inscrições abertas para o Programa Centelha SC

28 projetos inovadores receberão R$ 60 mil para impulsionar seus negócios

Iniciam-se no dia de hoje (17 de junho) as inscrições para o Programa Centelha SC, uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com a Fapesc, que tem o Instituto Gene Blumenau em sua rede de parceiros.

O Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no estado. O programa irá oferecer capacitações, recursos financeiros e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso.

Acesse a página do Programa Centelha SC para baixar o edital e inscrever sua ideia.

Podem submeter propostas pessoas físicas maiores de 18 anos residentes em Santa Catarina. Se aprovada, ela a deverá constituir uma empresa com sede no estado para contratação e recebimento dos recursos financeiros. Ela também pode estar vinculada a uma empresa sediada em SC, com data de constituição de até 12 meses anteriores à publicação do edital, cujo objeto social compreenda a atividade relacionada com a proposta inovadora.

Não há limitações quanto ao número de ideias submetidas para o programa, mas apenas aquela com maior pontuação, caso aprovada, passará para a próxima fase.

Cada ideia inscrita será avaliada por dois especialistas, com formação e experiência em uma ou mais áreas temáticas do programa, homologados pelo Comitê Gestor e seguirão os critérios estabelecidos no edital.

Acesse a página do Programa Centelha SC para baixar o edital e inscrever sua ideia.

O Centelha foi inspirado no programa catarinense de fomento ao empreendedorismo inovador, o Sinapse da Inovação, criado há 11 anos e “exportado” a outras unidades da Federação.  Mais de 30 mil cidadãos residentes no Estado – muitas vezes em equipe — já submeteram ao Sinapse quase 8.400 ideias de produtos, processos e serviços inovadores. Estas propostas passaram por 3 triagens até que as melhores foram selecionadas para receber recursos do governo estadual. Os contemplados da sexta e última edição vem recebendo um pacote composto por R$60 mil e uma bolsa para contratação de um técnico especialista equivalente a 40 mil reais. Desde sua criação, em 2008, o Sinapse ajudou a gerar quase 500 empresas e 151 patentes, sempre com auxílio da FAPESC e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável.

Fontes: Fapesc e Programa Centelha.