Duas novas empresas são selecionadas pelo Edital de Incubação

Duas novas empresas são selecionadas pelo Edital de Incubação

Contrato será assinado na primeira quinzena de agosto

O Instituto Gene vai receber duas novas empresas no mês de agosto. A TGW Sistemas e a Formfeed® foram as selecionadas no último Edital do Programa de Incubação, liderado pelo Gene, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo de Blumenau (Sedec). A assinatura dos contratos vai ocorrer na primeira quinzena de agosto.

“A partir da assinatura, os novos incubados vão passar a usufruir de todos os benefícios que oferecemos, tanto na infraestrutura como em mentorias e capacitações”, disse o diretor executivo do Gene, Fabiano Odebrecht. Ele destaca ainda que as duas empresas foram selecionadas na categoria residentes, portanto, terão direito a uma sala específica na sede da Incubadora.

Para quem tem interesse em participar do Edital de Incubação basta procurar o Instituto Gene. “A partir de agora, o edital estará permanentemente aberto. Quem tiver alguma ideia, ou quer alavancar seu negócio, pode nos procurar”, disse o diretor executivo.

As novas empresas:

TGW Sistemas
Trata-se de um software para laboratório de Citologia e Anatomia patológica. A solução já existe em desktop. Como a ideia era avançar em outras plataformas, surgiu a possibilidade de reprogramar para ambiente web, incluindo inovações como: VoxText; ferramenta de apoio a digitação do laudo, que consegue não só transformar o que é ditado pelo patologista em texto, ele também é especifico para a área usando dicionário especifico e não existe concorrente no mercado e laudo em PDF a partir do QR-code; Qr-code que o paciente já recebe no protocolo ao deixar o material no laboratório.

Formfeed®  
O Formfeed®  é uma plataforma de software que se enquadra na categoria de High-Productivity Application Platform as a Service (hpaPaaS) a qual permite o desenvolvimento de aplicações multiplataforma (Windows,Android,IOS,MAC OS e web). Em síntese é uma máquina virtual que possibilita a execução de modelos que agilizam o processo de desenvolvimento e distribuição de software eliminando etapas de escrita de código fonte e compilação dos artefatos de software produzidos. Os pilares da arquitetura são: no-code development, workflow e blockchain.